terça-feira, 10 de abril de 2012

Fazer aeróbico antes ou depois da musculação?


A resposta para a questão acima começa a se desenhar assim: o aeróbico antes ou depois da musculação vai depender exclusivamente de seu objetivo.
Vamos ver algumas situações e quando devemos colocar as atividades aeróbias.

Ajudar a diminuir medidas em membros inferiores: Faça aeróbico primeiro, de preferência um trabalho de alta intensidade, com a freqüência cardíaca mais alta (em torno de 85%), intervalando com um ou dois minutos de recuperação e freqüência mais baixa (70%). Treine musculação na seqüência e evite que o treino todo ultrapasse 1h15m.

Problemas de pressão alta ou problemas cardíacos: Faça aeróbico primeiro, para ajustar o ritmo cardíaco e manter a pressão sob controle. Nesse caso a intensidade deve ser baixa, em torno de 65 a 70 %, já que existem fatores de risco, e a duração em torno de 40 a 45 minutos. Faça musculação imediatamente após e nunca bloqueie a respiração durante a execução dos exercícios (inspire e expire naturalmente).

Emagrecimento: Aqui não há dúvida, faça musculação primeiro. O treino de musculação usa principalmente carboidratos como fonte energética, portanto, se você fizer um bom treino, diminuirá muito essas reservas de carbo e quando iniciar o aeróbico entrará em metabolismo de gordura mais rapidamente. Se fizer aeróbico primeiro, perderá essa vantagem, além de queimar uma parte de seu estoque de carbo e dificultar seu treino de musculação.

Ganho de massa muscular: Programas de treinamento tanto de resistência quanto aeróbico reduzem a magnitude do aprimoramento na força e potência musculares, ou seja, o treinamento aeróbio dificulta o desenvolvimento máximo da força e da potência quando realizado simultaneamente ao treinamento de força. Porém, o condicionamento cardiovascular também deve ser aprimorado, neste caso, sempre indico o aeróbio, pelo menos 20 minutos, duas ou três vezes por semana.

 O Dr. José Maria Santarém cita: “os exercícios anaeróbios propiciam emagrecimento no período pós-exercícios, quando toda atividade metabólica de síntese protéica e glicídica ocorre à custa de energia aeróbia proveniente, na sua maior parte, dos ácidos graxos do tecido adiposo”. Por isso não se preocupe, pois você vai ficar sequinho praticando musculação também.

* Aeróbico em jejum: (Dica do Personal Trainer Flávio Settanni) A única exceção. Se seu objetivo é emagrecer e você tem condição de fazer aeróbico logo que acorda (não mais que 15 minutos após), faça-o em jejum, com intensidade baixa (no máximo 70%), tome café da manhã logo em seguida e planeje seu treino de musculação para após o café ou outro horário. E para quem resolver criticar, sempre o pessoal mais disposto, experimente antes e observe a gordura derretendo muito mais rápido…
É isso aí, veja qual é seu objetivo e coordene seu treinamento.

9 comentários:

  1. Adorei as dicas, eu fazia o contrário, vou mudar. bjos

    ResponderExcluir
  2. Ótimas dicas, eu tinha muitas dúvidas em relação a isso!!!!!

    Um abraço

    ResponderExcluir
  3. Ah, eu tinha uma ou outra dúvida sobre isso, ajudou bastante!!!

    ResponderExcluir
  4. Também tinha essa dúvida cruel, a partir de amanhã mudo tudo! rsrsrs
    Tks ;-)

    alepapik.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. hmmmmmmmm !!! então vou fazer musculação smp primeiro e dps cardioo, convém fazer sempre um aquecimento antes da musculação.

    ResponderExcluir
  6. Adorei as dicas!!! Vou deixar pra correr sempre depois da musculação então!!! Bora queimar as gordurinas, meninas!!!! (www.mulherviolao.blogspot.com)

    ResponderExcluir
  7. Ótimas dicas, não sabia desse efeito no emagrecimento.
    Um caso que não foi citado no post e que estou fazendo atualmente seria o treino em circuito, onde intercalamos os exercícios aeróbico com musculação. O instrutor da academia me passou a série dessa forma.

    Eu adaptei a série colocando a parte de corrida na esteira para o final do treino.

    Será que esse tipo de treinamento também seria o indicado para emagrecimento?

    ResponderExcluir
  8. Adorei as dicas. Logo quando comecei a fazer musculação, a parte aeróbica sempre vinha primeiro. Depois de um tempo sem treinar, mudei de academia e lá o professor montou os treinos com circuito, intercalando aeróbica e musculação. Desta forma, me sinto com mais disposição para realizar os dois e não acabo o treino tão cansada quanto antigamente. Se faz alguma diferença para emagrecer, eu não sei, porque comecei o treino há pouco tempo, mas deste jeito estou conseguindo ser menos preguiçosa para treinar, além de ficar mais disposta durante o dia todo.

    ResponderExcluir